Notícias — 08 março 2013

A Universidade de Lisboa vai arrancar com a produção de energia solar. Na próxima terça-feira, serão inauguradas as primeiras centrais fotovoltaicas na instituição. A Universidade de Lisboa vai inaugurar na próxima terça-feira, dia 12 de março, as primeiras centrais fotovoltaicas na instituição.  O objetivo é conseguir ter instalados dez mil painéis solares em outubro, o suficiente para abastecer 1 600 famílias.

A subida dos preços dos combustíveis fósseis e o avolumar das preocupações com as alterações climáticas associadas com a emissão de gases com efeito de estufa, está a impulsionar a produção de eletricidade por outras vias, nomeadamente a partir da radiação solar. O desenvolvimento em larga escala da eletricidade solar está contudo limitado pelo elevado custo das células solares. Mais de metade deste custo está associado ao custo da matéria prima: cristais de silício ultrapuro.

Fonte: CiênciaHoje

Compartilhar

Sobre o Autor

Intermais